© 2023 por "Pelo Mundo". Orgulhosamente criado com Wix.com

Visto em

    Gostou da leitura? Doe agora e me ajude a proporcionar notícias e análises aos meus leitores  

Boneco de Neve (livro)

November 18, 2018

 

 Olá pessoal estou de volta com mais um comentário de livros, e dessa vez vou compartilhar com vocês minha experiência com o livro Boneco de Neve do autor Jo Nesbo.

Primeiramente falando sobre o escritor, trata-se do criador de uma série de thriller policial onde o seu principal personagem é o detetive Harry Hole. Autor de livros como Polícia, O Morcego, Boneco de Neve entre outros tantos livros escritos pelo autor e que já foram publicados no Brasil. Os livros de Nesbo já foram traduzidos em 50 línguas e, de acordo com sua página pessoal na internet já foram vendidas mais de 33 milhões de cópias em todo o mundo.

O escritor nasceu em Oslo na Noruega.

Falando de Boneco de Neve especificamente, considerando também que este é o único livro que li do referido autor, a trama se passa exatamente em Oslo (Noruega).

De acordo com a narrativa casos envolvendo assassinos em série é algo pouco comum. No entanto, Harry Hole é um detetive que tem, entre suas especialidades, preparação tática para desvendar crimes em série chegando até o serial killer. Por essa razão, Hole é indicado no caso do desaparecimento de uma mulher.

Alguns pontos precisam ser discutidos aqui: o primeiro é que, na história, casos de desaparecimentos de mulheres em Oslo é algo comum, e que elas acabam retornando em pouco tempo;

Outro ponto que merece destaque é o fato de que, nesse novo caso, encontra-se todos os indícios de assassinatos, porém os corpos não são encontrados;

O título do livro é explicado já na sinopse do livro, uma vez que o assassino ´deixa sempre um boneco de neve à cada vítima sua.

Meu ponto de vista

Esse foi um dos livros que mais levei tempo pra ler, e o principal motivo foi a narrativa do autor. Não há como negar que a história toda é cheia de muito suspense e cheia de plot. Mas, talvez o que tenha me incomodado bastante foi a ansiedade do detetive em capturar o Boneco de Neve - essa é uma interpretação minha.

Infelizmente eu não tenho a intensão de dar espoiler aqui, para não estragar a surpresa de quem ainda não leu o livro e pretende ler.

Outra coisa que incomoda bastante são os diferentes modos como os personagens são tratados - ora pelo nome, ora pelo sobrenome, daí a necessidade de o leitor estar bastante atento e familiarizado com os personagens. Não se pode esquecer o fato de que a história se passa na Noruega, daí você imagina os nomes dos personagens como não são!

Eu penso que a motivação do assassino em série não me convenceu, realmente eu não comprei a ideia. Tem personagens também na história que, ou eu não entendi, ou não fazem nenhuma diferença na história a não ser completar as 418 páginas do livro.

O livro também não aborda cenas cruéis de tortura ou violência, tudo é muito bem dosado.

De fato, entre tantos livros que eu já li, deste autor eu não pretendo ler outro.

Na ocasião, eu pretendia assim que terminasse ler Boneco de Pano de Daniel Cole, mas com receio de me frustrar, e com já conheço a narrativa de Karin Slaugther, inicie a leitura de Trípitico, livro que compõe a série do detetive Will Trent. Assim que eu terminar eu deixo aqui um comentário pra vocês.

 

Só acrescento que, acerca do livro Boneco de Neve, em novembro de 2017 saiu o filme dirigido por Tomas Alfredson e protagonizado por Michael Fassbender, e que foi um verdadeiro fiasco. Esse fato não me surpreendeu, a crítica apontou como ponto fraco o roteiro do filme, lendo o livro eu não julgo tanto a produção.

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

  • Facebook Basic Black
Please reload

Procurar por Tags
Siga "PELO MUNDO"
Por Trás do Papo Livre
Leitura Recomendada
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now